terça-feira, 17 de agosto de 2010

É MAIS QUE GINÁSTICA ...

Fazer ginástica,alongar,suar,acelerar e até ultrapassar limites, são abordagens do grande cardápio oferecido pelos mercados, nos territórios das atividades físicas.Quantidade conhecemos mas e a qualidade? Com que qualidade nossos corpos tem se exercitado? A globalização, o capitalismo, líquido e homogeneizante atua sobre os corpos que respondem com formas automatizadas, esgotadas de potência. Gestos se repetem em formas robotizadas, estéreis, com pouquíssimas possibilidades formativas.Pensar corpo, refletir gesto, na livre escolha em que o cognitivo age no psicoemocional, através dos músculos, ligamentos, tendões,fascias, são caminhos qualitativos onde a criatividade tem espaços para se manifestar e construir formas mais articuladas, não lesionadas. Formas mais maduras e não infatilizadas.Formas que se complementam na complexidade e especializações, fazendo corpo, respeitando as possibilidades do vivo. É mais que ginástica é potência criativa e transformadora, é vida.
Abraços ****
Vivi

Nenhum comentário:

Postar um comentário