quarta-feira, 18 de maio de 2011

JUVENILIZAÇÃO

O ser humano possui um carater lúdico com grande expressão criativa. Brincar e jogar são comportamentos muito evidentes na infância e juventude mas que continuam ao longo da vida de todos nós. Animais sociais que somos, gostamos do prazer do jogo,somos curiosos, buscamos por novidades quase como uma necessidade por continuar aprendendo e experimentando. Há um verdadeiro prolongamento biológico e social da infância e juventude marcado pela criatividade e atitude lúdica que segue até as idades avançadas. O pensador Edgar Morin usou o termo "juvenilização" do humano a este processo que contamina a vida adulta, dilatando o tempo na busca curiosa por novas experiências, jogando e criando. Um tempo com o seu modo característico de ser, que antes se afirmava mais na juventude, mas que o ritmo das transformações sociais e culturais na crescente quantidade de informações, que uma geração tem de ensinar a outra, acaba provocando este alargamento da idade juvenil.Porém, há que se ter muita atenção para não banalizar o espírito criativo em manifestações por vezes ridículas, infantilizadas do adulto num "jogo" velado de força e poder.
Abraços ****
Vivi

Nenhum comentário:

Postar um comentário