terça-feira, 7 de dezembro de 2010

QUANDO CAI A CONEXÃO

Ser contemporâneo é ser conectado. No mundo da tecnologia estar conectado é quase sinônimo de sobrevivência. Porém, precisamos contar que até mesmo na mais alta tecnologia às vezes a conexão cai e aí... como fazer, pois dependemos intensamente das conexões tecnológicas. Mas algo importante também pode ser considerado ao pensar em conexão. Além, muito além, das conexões tecnológicas está a conexão que cada ser humano efetua no seu conviver, afinal, para sobreviver dependemos igualmente uns dos outros e sobretudo da qualidade conectiva que estabelecemos entre nós, com a natureza, com o mundo à nossa volta.
Aqui emerge o afeto pois querendo ou não afetamos e somos afetados permanentemente. Então, com que qualidade construímos os nossos laços afetivos ou conectivos?
Abraços****

Nenhum comentário:

Postar um comentário