terça-feira, 23 de agosto de 2011

SAÚDE PULSÁTIL

O vivo pulsa, expande e recolhe permanentemente, nos ambientes, nas ecologias, nos encontros. Fazendo corpo,fazendo tecido, absorvendo, excretando, interconectando, bombeando de dentro para fora e de fora para dentro, o vivo é um processador. A saúde é pulsátil. Saúde é um estado de preservação da qualidade do pulso vivo, no vivo, nos ambientes vivos. Adaptação, conexão, construção, transformação, são os elementos que podem assegurar o fluxo constante do ser vivo. No "Universo" biológico, fisiológico, histórico, nada é estático, todos os constituintes estão em constante permeabilidade, para dar conta da passagem da vida pelos canais de circulação da potência da vida. A vida segue, ela quer prosseguir,é seu destino e propósito. Estamos todos em processo, somos processadores ambientais.O corpo dialoga com a emocionalidade,com as memórias, as histórias pessoais, sociais e culturais de cada pessoa nos contextos relacionais. A corticalidade e a subcorticalidade conversam e constroem, se construindo no processo evolutivo. Expandindo e recolhendo a vida mantém o pulso na dinâmica do micro e do macro, nas estruturas que compõe cada ser vivo dentro do grande fluxo da vida. Preservar o pulso é preservar a qualidade pulsátil da saúde. Então o segredo talvez seja saber COMO captar, perceber e viver o pulso vivo do vivo. Este dispositivo está em cada ser humano vivo, basta acessa-lo. Simples?
Abraços ****
Vivi

Nenhum comentário:

Postar um comentário