terça-feira, 13 de março de 2012

CADA SER HUMANO É UM FENÔMENO ÚNICO

Como humanos, somos ao mesmo tempo únicos e diversos, somos uma singularidade e também uma pluralidade. Embora possa retratar um aparente paradoxo na funcionalidade do viver, cada pessoa humana se apresenta de forma absolutamente particular. Dentro de uma ordem biológica, seguimos as leis da natureza para a sustentação da vida, porém na ordem das relações com o mundo a face indiviza, se manifesta no criativo, nas diversas expressões da potencialidade de cada individualidade. No processo da maturidade existencial, cada ser humano é um fenômeno único. Cada um de nós tem suas buscas, seus anseios e aspirações, modos ser e de expressar-se, nas diferentes etapas da vida. Nas suas buscas por direções e significados, o humano vai ao encontro do caminho. Muitos são os caminhos, que todos os seres de alguma forma, vão trilhando na grande caminhada da vida. Ir ao encontro do sentido da existência, já é uma manifestação da vontade singular do humano, afinal alguns acabam se perdendo em meio aos excessos, desprovidos de possibilidades internas para realizar suas escolhas na vida. É na experiência, no viver da busca, que a pessoa vai tendo condições internas de se conhecer, reconhecer e se diferenciar como humano dentro da humanidade. A grande questão é encontrar o próprio caminho, aquele que conduz à bem-aventurança.
Abraços ****
Vivi

Nenhum comentário:

Postar um comentário