sexta-feira, 11 de maio de 2012

PARA PENSAR...

"Eis que trago no meu coração a Verdade e a Justiça, Pois arranquei dele todo o Mal. Não causei sofrimento aos homens. Não usei de violência contra a minha família. Não substituí a Justiça pela Injustiça. Não me dei com pessoas malévolas. Não cometi crimes. Não fiz trabalhar para mim de modo excessivo. Não criei intrigas por ambição. Não maltratei os meus criados. Não privei o indigente da sua subsistência. Não permiti que um criado fosse maltratado pelo seu amo. Não fiz sofrer outrem. Não provoquei fome. Não fiz chorar os homens meus semelhantes. Não matei nem ordenei que matassem. Não provoquei doenças entre os homens. Não tentei aumentar os meus domínios Fazendo uso de meios ilícitos Nem usurpar os campos alheios. Não manipulei os pesos da balança nem o seu braço. Não tirei o leite da boca da criança. Não me apoderei do gado nas pradarias. Não obstruí águas no momento em que deviam correr. Não cortei as barragens estabelecidas nas águas correntes. Não extingui a chama de um fogo No momento em que devia arder." LIVRE DES MORTS DES ANCIENS ÉGYPTIENS, PARIS STOCK PLUS, 1985 Abraços ****

Nenhum comentário:

Postar um comentário